Querido John, John Frieda

Conheci o John (já me sinto íntima de tanto que gamei na marca Hahahaha) no final do ano passado quando estava me preparando para ir para os Estados Unidos, e simplesmente amei… Amei o cheiro, amei o efeito e tanto amei que não consegui me desfazer dos frascos rsss (desapega, Linete! Kkkk).

WP_20160315_007

O Full repair comprei aqui e continuo rendendo. Se deixar passo o dia todo cheirando mmmm…
O Brilliant Brunette e o óleo elixir  Frizz ease comprei lá… Baratinho… Da vontade trazer um monte porque aqui o preço é salgado, viu amiga? Mas vale a pena porque é muuito bom.

Daí fiquei curiosa e fui pesquisar sobre o meu querido John e olha o que achei no mundodasmarcas.com:

“John Frieda começou a carreira como assistente em um salão de beleza londrino, aos 17 anos, onde trabalhou durante nove anos. Abriu seu próprio salão na cidade em 1976, localizado na Rua New Cavendish. Durante este período o cabeleireiro inglês se tornou internacionalmente conhecido conquistando muitos clientes fiéis e importantes. Pelas mãos de John Frieda passaram astros da música pop, como os ex-beatles Paul McCartney e George Harrison e o Rolling Stone Mick Jagger; do cinema, como as atrizes Brookie Shields, Meryl Streep e Glenn Close e os atores Brad Pitt e Tom Cruise. Ele cuidou até dos cabelos das ex-primeiras damas americanas Jacqueline Kennedy Onassis e Hillary Clinton e das princesas Diana e Sarah Ferguson, da Grã-Bretanha, e da rainha Anne Marie da Grécia.
Em meados da década de 80, John trabalhou, juntamente com um químico, para desenvolver uma linha de produtos para o cuidado dos cabelos. Juntos eles criaram um soro finalizador (facilitava o alisamento com secador ou realçava os cachos quando secos naturalmente, eliminando o arrepiado) e outros produtos que levavam a assinatura JOHN FRIEDA, que passaram a serem utilizados em seu salão e vendidos para suas clientes. A linha provou ser tão popular que as mulheres freqüentavam seu salão apenas para comprar os produtos. Foi então que John detectou que os produtos tinham enorme potencial para serem vendidos no varejo. Em 1988, ano em que recebeu o prêmio de melhor cabeleireiro inglês, ele lançou, exclusivamente na rede britânica de farmácia Boots, o primeiro produto de uma linha para tratamento de cabelos com sua assinatura. A rede de farmácia fez um pedido de 20.000 frascos do soro finalizador para os cabelos.
O enorme sucesso nas vendas fez com que ele abrisse, em 1989, com a ajuda de Gail Federici, a empresa John Frieda Professional Hair Care Inc., para criar, desenvolver e comercializar a linha de produtos para cabelos JOHN FRIEDA COLLECTION, que inicialmente era composta por um soro finalizador, uma mousse modeladora corretiva e um spray fixador. Já no ano seguinte, o cabeleireiro inaugurou um salão em Nova York que serviu de base para o lançamento do Frizz-Ease, seu soro finalizador. Mais uma vez, a marca se surpreendeu com o enorme sucesso, e, em 1994, sua linha passou a ser vendida em grandes redes de drogarias americanas como a Eckerd’s, CVS e Walgreen’s. Gradualmente, a linha Frizz-Ease foi aumentada contando com xampus, condicionadores e loções para transformar instantaneamente cabelos ressecados, ásperos e rebeldes em cabelos macios e sedosos ao toque, além de adicionar desde a primeira lavagem um brilho muito especial. Nos anos seguintes, a linha foi introduzida em muitos outros países do mundo.
No final desta década, em 1998, a marca lançou no mercado sua segunda linha de produtos chamada Sheer Blonde, composta sete produtos, entre eles xampus e condicionadores especialmente desenvolvidos para hidratar e dar ainda mais brilho aos cabelos loiros. No ano seguinte, o cabeleireiro inaugurou mais um salão, desta vez na cidade de Los Angeles, berço das celebridades do cinema americano. No início do novo milênio, em 2001, a marca introduziu uma linha, composta por nove produtos, especialmente desenvolvida para cabelos crespos. Em 2002, a unidade de produtos de consumo (produtos para os cabelos) com a marca JOHN FRIEDA foi adquirida pela divisão norte-americana da empresa japonesa Kao Corporation por US$ 450 milhões. A negociação não inclui os salões do cabeleireiro, que mesmo assim continuou trabalhando no desenvolvimentos de novas linhas de produtos.
Nos anos seguintes novas linhas foram desenvolvidas como a Brilliant Brunette (composta por produtos que ajudam a redefinir o brilho dos cabelos deixando-os mais macios e radiantes), introduzida em 2004; Luxurious Volume (composta por produtos desenvolvidos para cabelos finos e sem volume), introduzida no mercado em 2004; e a Radiant Red (composta por produtos especialmente desenvolvidos para cabelos pintados de vermelho ou ruivo, deixando-os mais brilhantes e coloridos por mais tempo), lançada em 2005. A partir de 2007, os produtos da marca foram inseridos em novos mercados, e atualmente são considerados populares entre famosos e celebridades.
A evolução visual
Há poucos anos atrás a marca passou por uma reformulação visual em suas embalagens e também em seu logotipo, que ficou mais moderno e elegante.
Você sabia?
● Atualmente ele possui salões em Londres, Paris, Los Angeles e dois em Nova York, onde vive nos dias de hoje.”

Partiu New York! Fui!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Site no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: